O carro do futuro vai nascer no Porto

Atualidade

Barco Rabelo
Imagem:  Município do PortoCC BY-NC-SA - Alguns Direitos Reservados

​A portuguesa Critical Software anunciou que, em parceria com a BMW, vai desenvolver e produzir na cidade do Porto um software pioneiro que será utilizado a bordo dos carros da conceituada marca automóvel alemã. Esta joint venture (aliança entre empresas) levará à constituição de uma nova empresa, a Critical TechWorks, que terá sede no Porto.

O anúncio, avançado pelo jornal Público, explica que, neste momento, só falta mesmo "a luz verde" dos reguladores, para que o projeto possa efetivamente avançar. A aposta da BMW na empresa portuguesa - uma das melhores posicionadas no mundo no desenvolvimento de software e que tem entre os seus principais clientes a NASA - para a construção do "carro do futuro", implica a criação de uma nova empresa, a Critical TechWorks, que se dedicará à conceção e produção desta inovadora solução.

De acordo com Gonçalo Quadros, presidente-executivo da tecnológica portuguesa, "este é um importante passo para a Critical Software", afirmando ainda aquele responsável, citado pelo Público, que a "Critical TechWorks será pioneira, a referência à escala global, na construção do carro do futuro e de uma nova e espetacular era, no que toca aos serviços de mobilidade".

Para cumprir este objetivo, a sede ficará instalada no Porto, cidade onde a empresa abriu um grande centro tecnológico em 2017, e contará, naturalmente, tanto com o apoio deste centro de produção como também com o apoio da unidade de Lisboa.

Neste momento, a nova Critical TechWorks aguarda a aprovação dos reguladores da concorrência em Portugal e Alemanha. O anúncio foi feito em simultâneo nos dois países e coincide com o 20.º aniversário da Critical Software.

Fonte: Porto.pt

Subscrever as atualizações de novas notícias

​Caso pretenda manter-se atualizado acerca de novas “Notícias do Portal de Turismo” subscreva os nossos Feeds RSS:

Os Feeds RSS são enviados em intervalos (após publicação) e aparecem num leitor de RSS, no qual já poderá estar a gerir subscrições de outros tipos de informação, tais como notícias, eventos, etc…

Existem vários leitores, aqui ficam algumas sugestões:

Data notícia 20-06-2018