New York Times Sugere

Barco Rabelo
Imagem:  Município do PortoCC BY-NC-SA - Alguns Direitos Reservados

A cidade do Porto é, presentemente, bem mais do que o vinho que a tornou conhecida – o Vinho do Porto. Na segunda maior cidade de Portugal é possível visitar o seu ilustre passado, mas também experimentar o seu presente dinâmico, rico e atrativo, de animação, arte, arquitetura, que se prolonga pela região do Douro com uma oferta de inspiração vinícola invejável. Assim o afirma o New York Times, revelando uma proposta de descoberta da cidade em 36 horas.

Conheça melhor esta proposta do New York Times e os pontos mais relevantes deste percurso.

Venha daí!
 
newyork.jpg

Sexta, ao final da tarde

Da Zona Histórica do Porto parte o típico elétrico, numa viagem panorâmica que acompanha o rio Douro até ao Jardim Passeio Alegre. Daí até ao Atlântico espera-o um agradável passeio a pé, já junto ao mar, com o merecido descanso numa esplanada, a desfrutar de uma vista invejável.

Ao jantar, esqueça a dieta e prove uma Francesinha, uma especialidade da cidade que o restaurante DOP apresenta com uma qualidade e uma inovação excecionais, para além de outros pratos igualmente extraordinários, acompanhados por uma magnífica seleção de vinhos.

Para animar a sua noite, depois de uma agradável refeição, alguns metros abaixo o Hard Club, instalado no renovado Mercado Ferreira Borges, espera por si com espetáculos de música e outros, de estilos muito variados. 
 
NYT_sabado.jpg

Sábado

Aproveite a manhã para conhecer o mercado mais emblemático da cidade - o Mercado do Bolhão, um edifício com uma estrutura singular onde é possível encontrar todo o tipo de produtos frescos num ambiente muito tradicional.

Saindo do centro em direção à Boavista, na zona de Miguel Bombarda estão localizados todo o tipo de estabelecimentos ligados às artes, incluindo restaurantes, que oferecem propostas alternativas irrecusáveis, como o Bugo Art Burgers, onde os hamburgers se apresentam como “colagens culinárias feitas com materiais locais”, numa descoberta de formas originais de os cozinhar e apresentar.

À tarde, um momento para as compras, num centro comercial diferente, sofisticado e inovador, dedicado em grande parte a criadores Portugueses independentes, o Centro Comercial Bombarda, também localizado no quarteirão das artes.

Já na zona da Boavista, é impossível ficar indiferente à Casa da Música -  um meteorito que aterrou na cidade, num jogo de vértices e ângulos, constituindo uma obra de arte da arquitetura e uma catedral da música e onde é possível desfrutar de magníficos espetáculos.

Para o jantar, e de volta ao centro da cidade, a sugestão de um restaurante literário, o Book, aberto recentemente, que oferece nova cozinha Portuguesa e é já um bestseller.

Ao cair da noite, junte-se ao grupo. No quarteirão dos Clérigos a concentração de bares junta grupos de várias idades e estilos, numa agradável convivência pela noite fora. Ruas como Cândido dos Reis tornam-se o ponto de encontro da noite do Porto.
 
NYT_dom1.jpg

Domingo, de manhã

Na Fundação de Serralves a arte encontra-se em toda a parte: no Parque de Serralves, no Museu de Arte Contemporânea e ainda na Casa de Serralves.

Ao visitar o Porto é obrigatória uma passagem pelas Caves de Vinho do Porto. Nas Caves Sandeman, uma das muitas caves abertas ao público, pode ficar conhecer a história e experimentar o sabor deste delicioso e famoso vinho.

NYT_dom2.jpg
Bem perto, o hotel vínico The Yeatman, oferece inúmeros serviços exclusivos e de alta qualidade, subordinados à temática do vinho, com destaque para o restaurante The Yeatman e o Spa Vinothérapie® Caudalie.

O Porto tem ainda uma oferta variada de alojamento para todos os gostos e todas as bolsas.

Experimente este percurso

Consulte aqui o roteiro desta proposta, crie o seu guia de visita e divirta-se!

Subscreva as atualizações de novos artigos

​Caso pretenda manter-se atualizado acerca de novos “Artigos do Portal de Turismo” subscreva os nossos Feeds RSS:

Os Feeds RSS são enviados em intervalos (após publicação) e aparecem num leitor de RSS, no qual já poderá estar a gerir subscrições de outros tipos de informação, tais como notícias, eventos, etc…

Existem vários leitores, aqui ficam algumas sugestões:

Data publicação 23-12-2011